Ricardo autoriza licitação para construir na Paraíba a primeira Escola Técnica de Artes do Nordeste

58

O governador Ricardo Coutinho autorizou, nesta quarta-feira (29), a abertura do processo licitatório para a reforma do prédio da antiga Central de Polícia Civil, no bairro do Varadouro, onde será instalada a primeira Escola Técnica de Artes do Nordeste funcionando em tempo integral.

A unidade de ensino terá capacidade para cerca de 700 estudantes e vai oferecer habilitação em teatro, dança, música, literatura, cinema, entre outras artes. A obra está orçada em mais de R$ 5,3 milhões.

Em sua fala, Ricardo ressaltou que o prédio abrigava, nos tempos de Ditadura Militar, um centro de tortura e agora se transformará em um espaço de liberdade.

Ricardo autoriza licitação para construir na Paraíba a primeira Escola Técnica de Artes do Nordeste

Escola funcionária na antiga Central de Polícia

“Isso aqui funcionou o DOI-CODI. Era o centro da tortura em João Pessoa. As paredes daqui são grossas porque foram construídas em 1860. É um prédio tombado e tem um valor histórico imensurável. E é por isso que estamos aqui hoje para fazer com que o antigo DOI-CODI, a antiga Central de Polícia, se transforme ao invés de um espaço de dor de tortura se transforme em um espaço da criação, da liberdade criativa através das artes e da cultura”, comentou.

Segundo o governador, o local receberá um investimento de R$ 6 milhões, além de compra de equipamentos e a contratação de professores e se tratará da 1ª escola técnica do Brasil voltada para o ensino e formação de profissionais na área artística. O prazo previsto de entrega do equipamento é o de um ano.

“Será uma escola técnica e integral de ensino, Ensino Médio e ensino das artes, e vai abrigar cinema, teatro, música, artes plásticas, circo, literatura. Tudo nós teremos aqui para melhorar a vida da humanidade”, finalizou Ricardo.