Connect with us

PARAÍBA

Chuvas típicas do Litoral e Agreste alcançam Sertão, mas açudes seguem secos

Publicado

em

A chuva registrada em algumas cidades do Sertão da Paraíba nesse feriado de Corpus Christi (quinta-4), trouxe alegria ao sertanejo num momento de expectativas pessimistas e ameaças de ampliação do racionamento já praticado na região. Mas, de acordo com o meteorologista da Agência de Gestão das Águas (Aesa), Alexandre Magno, as precipitações foram de baixa intensidade e fracas no Sertão e Cariri e mais intensas no Litoral.

Leia mais Notícias no Portal Correio

As cidades mais beneficiadas com chuvas nesses primeiros cinco dias de junho foram Rio Tinto, com 78 milímetros; Mamanguape, com 75 milímetros e João Pessoa, com 72 milímetros, no Litoral. Já no Agreste choveu 56 milímetros em Serraria; em Araçagi, 55 milímetros; e em Cruz do Espírito Santo, 49,9 milímetros.

No Sertão, os municípios agraciados com chuvas foram Itaporanga, com 27,9 milímetros; Aparecida, com 16 milímetros; Imaculada com 11,1 milímetros e Cajazeiras 10,5 milímetros.

Na análise de Alexandre Magno, as chuvas em algumas localidades do Sertão são extensões das chuvas do Litoral e Agreste. “São precipitações pequenas e típicas do setor leste, ou seja, do Litoral e Agreste, e se estenderam até o Cariri, Curimataú e Sertão”.

A previsão é de que ocorra continuidade dessas precipitações durante o fim de semana, conforme a previsão do meteorologista.

Açudes sem alteração

O meteorologista da Aesa informou ainda que nas regiões do Sertão, Cariri e Curimataú não há expectativa de nenhuma mudança em relação ao nível dos reservatórios que abastecem as cidades, ou seja, a situação hídrica do estado continua se agravando.

Há uma expectativa, no entanto, para os açudes situados no Litoral que podem ter algum acréscimo, mas essa análise só poderá ser feita nesta próxima segunda-feira (8) quando os medidores terão condições de mostrar os resultados provocados pelas precipitações.

A situação hídrica da Paraíba revela um quadro preocupante com 197 municípios em estado de emergência por causa da falta de água. Isso representa 88% das cidades paraibanas afetadas pela escassez de recursos hídricos para o abastecimento da população.

O racionamento já foi implantado em pelo menos 33 municípios do estado e oito cidades da região polarizada por Campina Grande tiveram o tempo de racionamento ampliado para 60 horas a partir deste sábado (6).

Essas cidades que estavam sem água nas torneiras a partir das 17h dos sábados até as 5h das segundas-feiras passaram a sofrer com o desabastecimento até as 5h das terças-feiras.

Correio

Continue lendo

PARAÍBA

Calendário de pagamento do Abono Natalino na PB é divulgado; veja datas para saque

Publicado

em

O calendário de pagamento do Abono Natalino, que beneficia cerca de 520 mil famílias paraibanas, foi divulgado pelo governador João Azevêdo nesta quinta-feira (26). Cerca de R$ 37 milhões injetados na economia paraibana.

Neste ano, o valor do Abono Natalino, pago aos beneficiários do programa Bolsa Família, permanece o que também foi pago em 2019, de R$ 64. O pagamento estará disponível a partir do próximo dia 10 de dezembro. Para saber em que dia cada família pode fazer o saque, é necessário observar o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário.

O pagamento às famílias contempladas com o Abono é realizado de acordo com a terminação do Número de Identificação Social (NIS) de cada usuário, e ocorrerá em todos os 223 municípios paraibanos, através das agências, lotéricas e dos correspondentes bancários ligados à Caixa Econômica Federal.

Calendário do pagamento do Abono Natalino na Paraíba

>10/12 – NIS final 1

>11/12 – NIS final 2

>14/12 – NIS final 3

>15/12 – NIS final 4

>16/12 – NIS final 5

>17/12 – NIS final 6

>18/12 – NIS final 7

>21/12 – NIS final 8

>22/12 – NIS final 9

>23/12 – NIS final 0

Por G1 PB

Continue lendo

PARAÍBA

Paraíba confirma 363 novos casos e 7 óbitos por Covid-19 nas últimas 24h; total de mortes chega a 3.283 e 144.741 infectados

Publicado

em

A Paraíba registrou 363 novos casos de Covid-19 e 07 óbitos confirmados desde a última atualização, 04 deles nas últimas 24h. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde ao ClickPB nesta sexta-feira (27), 144.741 pessoas já contraíram a doença, 114.382 já se recuperaram e 3.283, infelizmente, faleceram. Até o momento, 458.340 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

  • Casos Confirmados: 144.741
  • Casos Descartados: 197.299
  • Óbitos confirmados: 3.283
  • Casos recuperados: 114.382

Ocupação

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 48%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 58%. Em Campina Grande estão ocupados 35% dos leitos de UTI adulto e no sertão 61% dos leitos de UTI para adultos.

Municípios

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos. A diferença de casos de ontem para hoje é de 363, nos quais 10 municípios concentram 235 casos, o que representa 64,73% dos casos em toda a Paraíba. 

São eles: 

  • João Pessoa, com 89 novos casos, totalizando 36.640; 
  • Bayeux, com 44 novos casos, totalizando 2.544; 
  • Brejo do Cruz, com 18 novos casos, totalizando 675; 
  • Cabedelo, com 17 novos casos, totalizando 3.625; 
  • Conceição, com 15 novos casos, totalizando 747; 
  • Monteiro, com 12 novos casos, totalizando 1.137; 
  • Salgado de São Félix, com 12 novos casos, totalizando 387; 
  • Santana de Mangueira, com 11 novos casos, totalizando 59; 
  • Boqueirão, com 09 casos novos, totalizando 748; 
  • Lagoa Seca, com 08 novos casos, totalizando 757.  

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-sus VE, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 27/11, sujeitos a alteração por parte dos municípios. 

Continuar Cuidando

Até o dia 26/11 foram entrevistados e testados 4.925 paraibanos, em residências distribuídas por 88 cidades.

Casos

Até hoje, 182 cidades registraram óbitos por Covid-19. Os 07 óbitos registrados nesta sexta ocorreram em hospitais públicos, em residentes de 06 municípios, entre 20 e 27 de novembro, quatro deles nas últimas 24 horas. Os pacientes tinham idade entre 37 e 70 anos, sendo seis deles menores de 65 anos. Hipertensão foi a comorbidade mais frequente. 

  • Homem, 64 anos, residente em São Mamede. Hipertenso. Início dos sintomas 14/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 27/11/2020. 
  • Mulher, 70 anos, residente em Bayeux. Hipertensa, cardiopata e obesa. Início dos sintomas 15/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Mulher, 61 anos, residente em Cachoeira dos Índios. Cardiopata e tabagista. Início dos sintomas 11/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Homem, 55 anos, residente em João Pessoa. Sem informação de comorbidade. Início dos sintomas 05/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Mulher, 37 anos, residente em João Pessoa. Hipertensa, diabética, cardiopata e obesa. Início dos sintomas 10/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 22/11/2020. 
  • Mulher, 56 anos, residente em São José dos Ramos. Sem comorbidade. Início dos sintomas 07/10/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 20/11/2020. 
  • Homem, 51 anos, residente em Patos. Hipertenso. Início dos sintomas 16/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 20/11/2020.

 

ClickPB

Continue lendo

Facebook

Publicidade

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados