Connect with us

PARAÍBA

Cinco municípios concentravam mais de 58% das riquezas em 2014, na Paraíba

Publicado

em

Cinco municípios da Paraíba concentravam mais da metade da riqueza gerada no Estado, em 2014. O Produto Interno Bruto (PIB) de João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Santa Rita e Patos representavam 58% do PIB da Paraíba, segundo dados de pesquisa divulgados na manhã de ontem pelo Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual (Ideme), feita em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE). Juntas, essas cidades movimentaram R$ 26,6 bilhões em 2014.

João Pessoa permanece em primeiro lugar com o maior PIB do Estado, passando de R$ 15,003 bilhões, em 2013, para R$ 17,462 bilhões, em 2014. Sendo responsável por 33% do PIB da Paraíba. Numa análise setorial, a principal atividade econômica da capital paraibana permanece sendo o setor de serviços, com 69% de contribuição, logo em seguida está o segmento industrial, com 25,1%. Segundo o Ideme, os principais vetores econômicos da economia paraibana são a construção civil, o comércio e as atividades do turismo.

Por ser um município urbano, o setor agropecuário representou apenas 0,1% do total do PIB da capital. Logo em seguida se encontra o maior centro econômico do interior do Estado, Campina Grande, passando de R$ 6,574 bilhões, em 2013, para R$ 7,541 bilhões, em 2014. Nesse município, o setor de maior relevância é o dos Serviços que representa 61,6%, seguido da Indústria com 26,7%, e, por fim, a Agropecuária com apenas 0,3%. O PIB gerado por Campina Grande e João Pessoa representa 47% do bolo total do Estado. O município de Cabedelo teve o terceiro melhor PIB, com um crescimento de 14,5% no seu Produto Interno Bruto entre os anos de 2013 e 2014. Enquanto em 2013, o valor gerado era de R$ 2,030 bilhões, e em 2014, passou para R$ 2, 294 bilhões.

Menores contribuições – O município de Coxixola apresentou o menor PIB do Estado, com R$ 13,749 milhões, seguido de Areia de Baraúnas, Zabelê, Parari e São José do Brejo Cruz. Esses municípios apresentam uma pequena população, menor que 2.200 habitantes. Nos últimos anos, eles apresentaram uma contribuição muito baixa para o PIB do Estado, cerca de 0,03%.

Redação com Ideme

Continue lendo
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PARAÍBA

Paraíba recebe, nesta quarta-feira, 56.400 novas doses de vacina contra a covid-19

Publicado

em

A Paraíba vai receber 56.400 novas doses de vacina contra a Covid-19. A entrega deve ocorrer às 2h da madrugada desta quarta-feira (3), no Aeroporto Castro Pinto, na Grande João Pessoa.

O anúncio foi feito pelo secretário de Estado da Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, em comunicado enviado também ao ClickPB.

Atualmente, estão vacinados idosos e profissionais de Saúde da linha de frente de combate ao coronavírus.

Continue lendo

PARAÍBA

Assembleia aprova, por unanimidade, projeto de lei que autoriza Governo da Paraíba comprar vacina contra a covid-19

Publicado

em

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, por unanimidade, nesta terça-feira (2), o Projeto de Lei 2.510/2021, de autoria do deputado estadual Adriano Galdino, conforme acompanhou o ClickPB. O PL assegura ao Governo do Estado o direito de aquisição e fornecimento de vacinas contra a covid-19. A propositura já havia sido aprovada na reunião remota dessa segunda-feira (1°) da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ).

Segundo o Projeto de Lei, a medida “será adotada caso o Governo Federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização ou na hipótese de que este não proveja cobertura imunológica tempestiva e suficiente contra a doença” e acrescenta que “o Poder Executivo Estadual poderá comprar vacinas aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e as registradas por autoridades sanitárias estrangeiras previstas lei federal 13.979/2020, ou, ainda, quaisquer outras que vierem a ser aprovadas, em caráter emergencial”.

“Somente nesta segunda-feira, a Secretaria de Saúde do Estado contabilizou 1.144 novos casos de covid-19 e 30 óbitos em 24 horas. No total, mais de 4.500 paraibanos foram vítima deste vírus e mais de 222 mil infectados já foram registrados”, lamentou Adriano Galdino.

Adriano destaca, ainda, que a ocupação de leitos de UTI em todo o estado está em 63%, sendo 77% na região metropolitana de João Pessoa; 56%, na região de Campina Grande; e 77% no Sertão.

“Em que pese os inúmeros esforços eivados pelo Governo Estadual, sabe-se que em virtude da gravidade desta pandemia, apenas as vacinas em desenvolvimento no Brasil e no mundo contra o novo coronavírus poderão conseguir controlar, de fato, o avanço desta doença, uma vez que, segundo especialistas na área de saúde, as pessoas vacinadas, em sua maioria, não irão desenvolver a patologia na forma grave”, pontuou o deputado.

 

Continue lendo

Facebook

Publicidade

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados