Connect with us

ESPORTES

‘É o fim de um império’, diz jornalista que denunciou corrupção na Fifa

Publicado

em

Autor de vários livros sobre a corrupção na Fifa e em outras organizações esportivas, além de colaborador do FBI nas investigações que levaram à prisão de sete membros da Fifa nesta quarta-feira, o jornalista Andrew Jennings está eufórico com o desdobramento do caso. Em entrevista ao UOL Esporte, ele foi direto:

“Penso que a coisa importante que fica de hoje (ontem) é o fim da Fifa como conhecemos.  (João) Havelange levou o crime organizado à Fifa e ele perdurou desde 1974 até agora. É o fim de um império. Todos os impérios caem. Foi assim com o britânico, com o francês. Até os portugueses tiveram de sair do Brasil. O império da Fifa terminou hoje (ontem)”.

FOLHAPRESS

O jornalista Andrew Jennings, que denunciou esquema de corrupção na Fifa

Satisfeito com o que aconteceu na Suíça, Jennings tem a certeza de que escândalos ainda maiores virão à tona ao longo das próximas semanas, meses e anos, e que as prisões em Zurique são apenas a ponta do iceberg. Ele acredita que os nomes de Ricardo Teixeira e João Havelange aparecerão em breve nas investigações.

“Apenas espere. É uma longa e abrangente investigação. Eles vão chegar ao nome do Teixeira. Espere. Há muito mais coisa vindo. Isso não termina hoje. Vão pegar o Teixeira. Mas se não o pegarem, os brasileiros deveriam prendê-lo por todos os crimes que ele cometeu contra o futebol”, afirmou.

Para Jennings, as investigações envolvendo pagamento de propinas referentes à Copa do Mundo de de 2014 deve ser muito mais um problema interno do Brasil, uma vez que o país não teve concorrência para receber o evento.

“Não tinha competição. A investigação deve ser feita no Brasil. Está tudo cercado de corrupção”, disse o autor e jornalista, que perdeu a conta de quantos telefonemas recebeu e entrevistas concedeu ao longo de toda a quarta-feira.

Joseph Blatter, presidente da Fifa desde 1998 e favorito absoluto para a eleição prevista para esta sexta-feira, não escapou da língua feroz de Jennings. Após as prisões, o cartola divulgou um comunicado dizendo apoiar as investigações e que tem como objetivo deixar a entidade livre de comportamentos que manchem a sua imagem.

“Penso que Sepp Blatter mente desde que o dia nasceu. Ele é o chefe da corrupção por mais de 15 anos. Ele trabalhou em prol de Teixeira, ajudando Teixeira. Não faz sentido soltar este comunicado”.

“A eleição de Sepp Blatter (nesta sexta-feira) não faz sentido. Quem se importa com isso?”, completou Jennings.

O jornalista disse ainda que este caso se arrastará por anos, até que todos os investigados parem atrás das grades.

“Vai levar anos. Vai levar tempo para apurarem as coisas na Suíça, depois irão para os Estados Unidos. Muitas evidências virão à tona nos tribunais, durante o julgamento. Depois passarão um longo tempo na prisão”, completou.

BRASIL

Alisson e Denilson viram embaixadores de campanha solidária contra coronavírus

Publicado

em

A rede de solidariedade na ajuda as pessoas que estão sendo atingidas pelo novo coronavírus no Brasil ganhou reforços de peso. Após iniciativa do zagueiro do Santa Cruz, Danny Morais, a campanha #desafiocorona foi abraçada por cerca de cem jogadores e visa vender camisas e reverter os valores arrecadados. O projeto ainda tem o goleiro Alisson, do Liverpool e da Seleção Brasileira, e o atacante Denilson, pentacampeão mundial pelo país, como embaixadores.

A iniciativa consiste na doação de uma camisa por cada atleta que será vendida no site desafiocorona.com.br. Todo valor arrecadado, descontados os impostos e custo de envio, será revertido para compra de materiais hospitalares que tratam da pandemia do Covid-19 e também para ajudar famílias afetadas pelos impactos sociais e econômicos.

A campanha, vale ressaltar, não fará leilão dos produtos. Todas as camisas terão um preço fixado, sendo levado em conta a raridade da peça. A gestão do que for arrecadado ficará sob responsabilidade do Instituto da Criança, que fará a distribuição dos recursos.

Neste domingo, a campanha será massificada através das redes sociais dos embaixadores do projeto.

Globoesporte.com

Continue lendo

ESPORTES

Jogador de 23 do Ajax acorda do coma após quase 3 anos

Publicado

em

Abdelhak Nouri, de 23 anos, acordou do coma após dois anos e nove meses no hospital.

O ex-jogador de futebol holandês, de origem marroquina, jogava pelo Ajax, da Holanda, quando teve uma arritmia cardíaca durante uma partida amistosa contra o Werder Bremen, da Alemanha, em 8 de julho de 2017.

A notícia boa foi dada nesta quinta, 26, pelo irmão dele, Abderrahim, ao programa de televisão holandês De Wereld Draait Door.

Ele contou que Nouri está consciente já foi para casa.

O jogador era uma jovem promessa do Ajax quando teve a arritmia.

De acordo com o irmão, Nouri consegue comer e abrir os olhos, mas por enquanto, o rapaz não se comunica verbalmente.

“Ele não está em coma mais. Ele dorme, come, franze a testa e arrota de vez em quando, mas ainda é extremamente dependente de nós. Mas devo dizer que desde que voltou para casa ele está indo bem melhor do que no hospital’, concluiu Abderrahim.

Nouri sendo socorrido e campo - Foto: Getty Images

Nouri sendo socorrido e campo – Foto: Getty Images

Com informações do De Wereld Draait Door e FolhaDeVitória

Continue lendo

Facebook

Publicidade

MAIS LIDAS DE HOJE

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados