Connect with us

GERAL

Jovem que serve exército em Israel é eleita o rosto mais bonito de 2020

Publicado

em

Ela é atriz, modelo e no momento serve o exército israelense, que é obrigatório no país.

Yael Shelbia tem 19 e foi eleita em primeiro lugar na lista anual dos “100 rostos mais bonitos do ano” criado pela  TC Candler & The Independent Critics.

Shelbia também venceu a colega israelense Gal Gadot, a “Mulher Maravilha”, que ficou em 21º lugar na lista, divulgada no final do ano.

A jovem cumpre o serviço militar obrigatório na Força Aérea de Israel e apareceu em campanhas para a empresa israelense de roupas Renuar.

Ela também virou o rosto da linha de maquiagem KKW Beauty, da badalada Kim Kardashian.

Opinião Pública

“Ao contrário da maioria das outras classificações anuais de beleza, a lista não é um concurso de popularidade e definitivamente não é específico de um país. Não se trata do corpo mais sexy ou da celebridade mais famosa. Em vez disso, a lista tenta informar e ampliar a opinião pública. Você encontrará superstars e novas estrelas, sensações globais e também desconhecidos”, disseram os organizadores da TC Candler.

Para chegar ao resultado, a associação de críticos levou em consideração a opinião dos próprios leitores.

E eles publicaram uma compilação num vídeo. (abaixo)

Surpresa

E não foi a primeira vez que a modelo israelense apareceu na lista.

Ela subiu no ranking da lista nos últimos anos. Ficou em 14º lugar em 2017, 3º em 2018 e 2º ano passado, antes de assumir o primeiro lugar desta vez.

Mesmo assim, Shelbia se surpreendeu com o resultado:

“Eu nunca cheguei em primeiro lugar em nada…. é muito bom ”, disse a jovem.

Veja o agradecimento de Shelbia pelo instagram:

 

Veja aqui a lista completa:

Com informações do Times of Israel

Continue lendo

GERAL

Pastor evangélico e bolsonarista, ex-senador Magno Malta posta foto segurando pênis na rede social

Publicado

em

O ex-senador Magno Malta (PL-ES) resolveu postar no Facebook a foto de um pênis. Ele reclamou da postura da rede social em classificar uma outra publicação sua como “parcialmente falsa” – era um vídeo do médico Anthony Wong, defensor da cloroquina e do “tratamento precoce” contra o coronavírus que faleceu recentemente.

De acordo com a postagem, o ex-senador tirou um print da tela do celular em que, além da imagem do médico, constam fotos de sua galeria: entre elas, uma mão segurando o órgão genital.

magno-malta
Reprodução (Facebook)

Brasil 247

Continue lendo

GERAL

Movimento da Terra fará com que 2021 passe mais rápido; entenda

Publicado

em

O ano de 2021 deve ser o mais rápido já registrado na história. Com a rotação da Terra sendo guiada por uma velocidade um pouco maior do que a usual, os dias serão, em média, 0,5 milissegundo mais curtos. As informações foram dadas pela Marcella Duarte, do UOL .

O último domingo (3) teve 23 horas, 59 minutos e 59,9998927 segundos. Apesar disso, os dias não têm duração igual. A segunda-feira (4), por exemplo, teve pouco mais de 24 horas.

Essas pequenas alterações na duração dos dias foram descobertas apenas na década de 1960, depois do desenvolvimento de relógios atômicos superprecisos.

A variação na velocidade de rotação do planeta acontece constantemente e depende de diferentes fatores, como o movimento do núcleo derretido da Terra, dos oceanos e da atmosfera. Além disso, interações gravitacionais com a Lua e o aquecimento global também influenciam o fenômeno.

Quando o processo começou a ser estudado, inicialmente, observou-se que a velocidade de rotação da Terra estava diminuindo. Desde a década de 1970, foram adicionados 27 segundos no tempo atômico internacional para que a contagem se mantivesse sincronizada com o planeta.

Recentemente, o oposto tem acontecido: a velocidade com a qual a Terra gira em torno do próprio eixo, resultando nos dias e nas noites, está aumentando.

Por isso, pode ser necessário “saltar” o tempo para que haja consonância com o movimento do planeta. Nesse caso, seria a primeira vez que um segundo seria deletado dos relógios internacionais.

 

Os responsáveis por monitorar a rotação do planeta e os 260 relógios atômicos que existem são os oficiais do Serviço Internacional de Sistemas de Referência e Rotação da Terra (Iers), em Paris, na França. Eles também avisam quando é necessário adicionar ou deletar algum segundo.

Há um debate na comunidade internacional sobre a necessidade de realizar esse ajuste ou não. Cientistas defendem que, em 2021, os relógios atômicos irão acumular um atraso de 18 milésimos de segundos.

Sem o ajuste, demoraria centenas de anos para uma pessoa comum notar alguma diferença. Os sistemas de navegação e de comunicação por satélite, porém, podem ser impactados pelo descompasso, uma vez que utilizam a posição da Terra, do Sol e das estrelas para funcionar.

Último Segundo

 

 

 

Continue lendo

Facebook

Publicidade

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados