Connect with us

PARAÍBA

Paraíba confirma 363 novos casos e 7 óbitos por Covid-19 nas últimas 24h; total de mortes chega a 3.283 e 144.741 infectados

Publicado

em

A Paraíba registrou 363 novos casos de Covid-19 e 07 óbitos confirmados desde a última atualização, 04 deles nas últimas 24h. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde ao ClickPB nesta sexta-feira (27), 144.741 pessoas já contraíram a doença, 114.382 já se recuperaram e 3.283, infelizmente, faleceram. Até o momento, 458.340 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

  • Casos Confirmados: 144.741
  • Casos Descartados: 197.299
  • Óbitos confirmados: 3.283
  • Casos recuperados: 114.382

Ocupação

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 48%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 58%. Em Campina Grande estão ocupados 35% dos leitos de UTI adulto e no sertão 61% dos leitos de UTI para adultos.

Municípios

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos. A diferença de casos de ontem para hoje é de 363, nos quais 10 municípios concentram 235 casos, o que representa 64,73% dos casos em toda a Paraíba. 

São eles: 

  • João Pessoa, com 89 novos casos, totalizando 36.640; 
  • Bayeux, com 44 novos casos, totalizando 2.544; 
  • Brejo do Cruz, com 18 novos casos, totalizando 675; 
  • Cabedelo, com 17 novos casos, totalizando 3.625; 
  • Conceição, com 15 novos casos, totalizando 747; 
  • Monteiro, com 12 novos casos, totalizando 1.137; 
  • Salgado de São Félix, com 12 novos casos, totalizando 387; 
  • Santana de Mangueira, com 11 novos casos, totalizando 59; 
  • Boqueirão, com 09 casos novos, totalizando 748; 
  • Lagoa Seca, com 08 novos casos, totalizando 757.  

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-sus VE, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 27/11, sujeitos a alteração por parte dos municípios. 

Continuar Cuidando

Até o dia 26/11 foram entrevistados e testados 4.925 paraibanos, em residências distribuídas por 88 cidades.

Casos

Até hoje, 182 cidades registraram óbitos por Covid-19. Os 07 óbitos registrados nesta sexta ocorreram em hospitais públicos, em residentes de 06 municípios, entre 20 e 27 de novembro, quatro deles nas últimas 24 horas. Os pacientes tinham idade entre 37 e 70 anos, sendo seis deles menores de 65 anos. Hipertensão foi a comorbidade mais frequente. 

  • Homem, 64 anos, residente em São Mamede. Hipertenso. Início dos sintomas 14/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 27/11/2020. 
  • Mulher, 70 anos, residente em Bayeux. Hipertensa, cardiopata e obesa. Início dos sintomas 15/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Mulher, 61 anos, residente em Cachoeira dos Índios. Cardiopata e tabagista. Início dos sintomas 11/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Homem, 55 anos, residente em João Pessoa. Sem informação de comorbidade. Início dos sintomas 05/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/11/2020. 
  • Mulher, 37 anos, residente em João Pessoa. Hipertensa, diabética, cardiopata e obesa. Início dos sintomas 10/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 22/11/2020. 
  • Mulher, 56 anos, residente em São José dos Ramos. Sem comorbidade. Início dos sintomas 07/10/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 20/11/2020. 
  • Homem, 51 anos, residente em Patos. Hipertenso. Início dos sintomas 16/11/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 20/11/2020.

 

ClickPB

Continue lendo

PARAÍBA

Covid-19: secretário de Saúde confirma chegada de 15 pacientes do Amazonas para João Pessoa na madrugada deste domingo

Publicado

em

O secretário de Saúde, Geraldo Medeiros, confirmou na noite deste sábado (15), a chegada de 15 pacientes vindo de Manaus para capital paraibana. De acordo com o secretário, o avião decola por volta das 22h da noite deste sábado com previsão de chegada às 2h da madrugada do domingo (16). 

Além dos 15 pacientes com Covid-19, o voo traz 06 pessoas da equipe médica para acompanhar os transferidos.

Eles serão internados no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB). O hospital confirmou ao ClickPB, que os pacientes ficarão internados nos leitos disponibilizados na enfermaria e cerca de 60 profissionais da área assistencial envolvidos na ação humanitária. Ao todo, a enfermaria está equipada com leitos elétricos, bombas de infusão, ventiladores mecânicos e material para ventilação não-invasiva. 

A Paraíba é um dos sete estados que receberá pacientes contaminados com Covid-19, vindo do Amazonas.

Em todo o país, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação da qual o HULW é filial, mobilizou quase 150 leitos em nove hospitais universitários por todo o Brasil.

A transferência dos pacientes acontece após a capital amazonense entrar em colapso no sistema de saúde porque, com aumento recorde de internações por Covid, passou a sofrer com falta de oxigênio. 

Até esta quinta (14), mais de 223 mil pessoas foram infectadas no Amazonas, e mais de 5,9 mil morreram com a doença. Conforme o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde, há 1.581 pacientes internados com Covid no estado, sendo 518 em leitos de UTI.

ClickPB

Continue lendo

PARAÍBA

Paraíba pretende vacinar 1,2 milhão de pessoas de grupos prioritários; confira ordem de prioridades

Publicado

em

O governo da Paraíba pretende vacinar cerca de 1,2 milhão de pessoas de grupos prioritários em 2021. O estado seguirá a ordem definida no Plano de Imunização. A meta é vacinar pelo menos 95% das pessoas.

Na primeira fase do plano serão vacinados os trabalhadores de saúde e, em seguida, pessoas de 80 anos ou mais; pessoas de 75 a 79 anos; pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas e indígenas. De acordo com a estimativa do Governo do Estado, são 288.844 pessoas nessas situações.

Numa segunda fase serão vacinadas as pessoas de 70 a 74 anos, de 65 a 69 anos, e de 60 a 64 anos, nessa ordem. São 394.499 pessoas, segundo estimativa do Governo do Estado.

Na terceira fase serão vacinados os pacientes com comorbidades como diabetes mellitus; hipertensão; doença pulmonar obstrutiva crônica; doença renal; doenças cardiovasculares e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgão sólido; anemia falciforme; câncer; obesidade grave (IMC maior ou igual a 40). São 275.969 pessoas.

Por fim, a quarta fase de vacinação atenderá professores, do nível básico ao superior; forças de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional. São 48.897 pessoas.

Além disso, o plano de vacinação do estado também inclui pessoas com deficiência permanente severa; caminhoneiros; trabalhadores de transporte aéreo; trabalhadores portuários; populaçào privada de liberdade; povos e comunidades tradicionais ribeirinhas e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário e metroferroviário de passageiros.

Continue lendo

Facebook

Publicidade

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados