Connect with us

PARAÍBA

Veja lista de concursos que podem ter sido fraudados por quadrilha presa em JP

Publicado

em

A Polícia Civil paraibana divulgou, nesta segunda-feira (08), a lista de cerca de 40 concursos públicos que teriam sido fraudados pelo grupo crimoso preso, nesse domingo (07), em um condomínio de luxo em João Pessoa (PB).

De acordo com a polícia, o esquema fraudulento teria beneficiado 400 pessoas, através do pagamento de R$ 12 milhões à quadrilha desde 2005. O kit completo para aprovação em um concurso poderia chegar a R$ 150 mil.

Segundo a polícia, as fraudes aconteceram em concursos na Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Rio Grande do Norte, Sergipe e Piauí. Ao todo 19 pessoas foram presas.

Ano – Concurso – Organizadora

2005 – Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU)
2006 – Câmara Municipal de João Pessoa – Funiversa
2008 – Polícia Militar da Paraíba – UEPC/Comvest
2008 – Fundac/PB – Cespe
2009 – Polícia Civil do Rio Grande do Norte – Cespe
2010 – Guarda Municipal de Cabedelo – IBFC
2010 – Detran/RN – Fundação Getúlio Vargas
2011 – Concurso da Coperve – IFPB
2012 – Guarda Municipal de Bayeux – Contemax Consultoria
2012 – Guarda Municipal de João Pessoa – IBFC
2012 – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas
2012 – Prefeitura Municipal de Santa Rita – Asperhs
2012 – Universidade Federal de Alagoas (UFAL) – Fundepes
2013 – Oficial do Corpo de Bombeiros da Paraíba – CPCON/UEPB
2013 – Assembleia Legislativa da Paraíba – Fundação Carlos Chagas
2013 – Detran/PB – Funcab
2013 – Departamento Penitenciário Nacional – Cespe
2013 – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba – IFPB
2014 – Corpo de Bombeiros da Paraíba – IBFC
2014 – Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) – CPCon
2014 – CFO Polícia Militar da Paraíba – Funape
2014 – Concurso Conab1
2014 – Concurso de agente da Polícia Federal – Cespe
2014 – Polícia Rodoviária Federal – Cespe
2014 – Câmara Municipal de Cabo de Santo Agostinho
2014 – Tribunal Regional do Trabalho 13ª Região – Fundação Carlos Chagas
2015 – Ministério Público da Paraíba – Fundação Carlos Chagas
2015 – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba – IFPB
2015 – Prefeitura Municipal de Campina Grande – CPCON/UEPB
2015 – Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe – Fundação Carlos Chagas
2016 – Prefeitura Municipal de João Pessoa – Quadrix
2016 – Prefeitura Municipal do Conde – Advise
2016 – Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba – Fundação Carlos Chagas
2016 – Prefeitura Municipal de Alhandra – Educa – Assessoria Educacional
2016 – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – Fundação Getúlio Vargas
2016 – Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) – Covest
2016 – Concurso Contemax
2016 – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) – Instituto AOCP
2016 – Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE
2017 – Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) – Comperve/RN

[adsneaky rows=”2″]

Continue lendo
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PARAÍBA

Paraíba recebe, nesta quarta-feira, 56.400 novas doses de vacina contra a covid-19

Publicado

em

A Paraíba vai receber 56.400 novas doses de vacina contra a Covid-19. A entrega deve ocorrer às 2h da madrugada desta quarta-feira (3), no Aeroporto Castro Pinto, na Grande João Pessoa.

O anúncio foi feito pelo secretário de Estado da Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, em comunicado enviado também ao ClickPB.

Atualmente, estão vacinados idosos e profissionais de Saúde da linha de frente de combate ao coronavírus.

Continue lendo

PARAÍBA

Assembleia aprova, por unanimidade, projeto de lei que autoriza Governo da Paraíba comprar vacina contra a covid-19

Publicado

em

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, por unanimidade, nesta terça-feira (2), o Projeto de Lei 2.510/2021, de autoria do deputado estadual Adriano Galdino, conforme acompanhou o ClickPB. O PL assegura ao Governo do Estado o direito de aquisição e fornecimento de vacinas contra a covid-19. A propositura já havia sido aprovada na reunião remota dessa segunda-feira (1°) da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ).

Segundo o Projeto de Lei, a medida “será adotada caso o Governo Federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização ou na hipótese de que este não proveja cobertura imunológica tempestiva e suficiente contra a doença” e acrescenta que “o Poder Executivo Estadual poderá comprar vacinas aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e as registradas por autoridades sanitárias estrangeiras previstas lei federal 13.979/2020, ou, ainda, quaisquer outras que vierem a ser aprovadas, em caráter emergencial”.

“Somente nesta segunda-feira, a Secretaria de Saúde do Estado contabilizou 1.144 novos casos de covid-19 e 30 óbitos em 24 horas. No total, mais de 4.500 paraibanos foram vítima deste vírus e mais de 222 mil infectados já foram registrados”, lamentou Adriano Galdino.

Adriano destaca, ainda, que a ocupação de leitos de UTI em todo o estado está em 63%, sendo 77% na região metropolitana de João Pessoa; 56%, na região de Campina Grande; e 77% no Sertão.

“Em que pese os inúmeros esforços eivados pelo Governo Estadual, sabe-se que em virtude da gravidade desta pandemia, apenas as vacinas em desenvolvimento no Brasil e no mundo contra o novo coronavírus poderão conseguir controlar, de fato, o avanço desta doença, uma vez que, segundo especialistas na área de saúde, as pessoas vacinadas, em sua maioria, não irão desenvolver a patologia na forma grave”, pontuou o deputado.

 

Continue lendo

Facebook

Publicidade

Copyright © 2020 Barra Portal - Todos os direitos reservados